LIBRAS

Ontem, na Reunião na Sala 7, tivemos na nossa sala virtual um grupo que trabalha com LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais, usada para comunicação entre e com surdos.

O termo tradução é muito impreciso: aplica-se tanto especificamente à tradução de texto para texto, que é o que faço eu, como, em sentido mais genérico, a uma ampla gama de outras atividades que não envolvem texto. Algumas, podem ser chamadas tradução intermodal, como é o caso da legendagem, que é a tradução linguagem falada para a escrita, ou a interpretação de e para LIBRAS, que é a tradução da linguagem falada para a gestual e vice-versa.

Um desses mil teóricos da tradução de cujo nome jamais consigo me lembrar, propôs, em francês, o uso de translation (que seria translação em português) para o termo mais genérico, reseservando traduction (tradução) para a tradução de texto a texto. Nesse caso, o trabalho dos intérpretes de LIBRAS, assim como o dos que fazem interpretaçao simultânea, ou para dublagem, legendagem e que mais seja, visto em conjunto com o trabalho de texto-para-texto, seria um caso de translação e seríamos todos translatores (singlular translátor, com o a pronunciado normalmente em português, como Deus manda) e poderíamos restringir tradução/tradutor para o texto-para-texto. Não pegou, mas eu lamento: seria muito prático.

A interação e integração com os colegas que trabalham com LIBRAS tem importância crucial. A troca de experiências vai ser útil para ambas as partes, assim como útil tem sido a troca entre o pessoal que faz legendagem e o pessoal que faz texto-para-texto, por exemplo.

Espero que a Angela e seus alunos apareçam mais uma vez. Há muita coisa que discutir com esse pessoal. Se você trabalha com LIBRAS ou com qualquer outro tipo de atividade de natureza tradutória que escape do que a gente tem discutido aqui, saiba que é bem-vindo na Sala 7, que é sempre grátis, por definição. Além disso, durante as reuniões, que são virtuais, jamais constragemos os participantes a fazer um dos cursos pagos. A reunião na Sala 7 é um espaço para confraternização e troca de idéias, numa gentileza do Aulavox, que nos cede o equipamento e sistema grátis..

Aproveite e clique aqui para saber dos eventos a distância, grátis e pagos.

EN→PTBR |Tradutor profissional desde 1970.


1 Comentario em "LIBRAS"

  • Anonymous
    14/05/2009 (11:43 pm)
    Responder

    é legal nos temos aprender a fala “mudu”ou em sinais fala com deficientes auditivos!.Minha tia é surda e eu falo com ela atraves dos sinais q aprendo na escola se não fosse por isso eu não entenderia nada do q ela tenta mi falar.Eu prendi a fala em libras na escola:e.e.f.e m. pre.Tancredo de A. Neves.aqui em pvh-Ro.


O que achou do artigo? Deixe seu comentário.

Pode publicar em html também